Novidades da Release

1.9.0.0

  • Agora é possível utilizar tags (etiquetas) para classificar alertas e encontrá-los mais facilmente. As etiquetas são opcionais e são adicionadas aos alertas durante o processo de criação ou edição (e funcionam tanto para eventos da Plataforma quanto para notificações de monitoramento de APIs). Depois, as etiquetas podem ser utilizadas como filtro para procurar alertas configurados nas telas Runtime Alerts e Platform Events ou alertas disparados na tela Triggered Alerts.

  • A tela Triggered Alerts agora exibe erros na execução de ações de notificação configuradas para um alerta. Alertas com falha na execução de uma ou mais ações contêm o ícone icon error ao lado do botão ACTIONS de seu card. E agora também é possível filtrar alertas que apresentaram falha na execução de ações utilizando o campo Action Status na área de busca.

  • Ao configurar um alerta do tipo Availability (para monitorar a disponibilidade de uma operação de API) ou HTTP Response Status por porcentagem de requisições (para monitorar retornos HTTP específicos), agora é possível definir um número mínimo de requisições para que o alerta seja disparado. Veja mais sobre isso aqui (para alertas de Availability) e aqui (para alertas de HTTP Response Status por porcentagem).

  • Padronizamos os horários mostrados na tela Triggered Alerts para que reflitam o fuso horário utilizado pelo usuário. Isso vale tanto para o horário de disparo de um alerta (que já seguia esse padrão), quanto para os horários exibidos dentro das mensagens de notificação (que anteriormente eram exibidos em UTC±00:00).

  • Para deixar mais claros os objetos monitorados em alertas a partir de eventos da Plataforma de APIs, as labels "Certificate Info" e "Custom Interceptor" foram alteradas para "Certificate" e "Custom Javascript Interceptor", respectivamente, sem modificações no funcionamento dos alertas. Veja a lista de objetos monitoráveis aqui.

1.8.0.0

  • Adicionamos uma nova opção de ação quando um alerta é disparado: Slack. Com isso, agora é possível enviar notificações para um canal de Slack previamente cadastrado — e isso funciona tanto para Platform Events quanto para Runtime Alerts.

  • A tela Credentials agora se chama Integrations. Além do cadastro de informações de autenticação para uso em webhooks, a tela agora contém a aba SLACK, onde é possível integrar o Flexible Actions a workspaces do Slack. É a partir dos workspaces integrados que os canais para notificação são selecionados.

  • O campo para inserção de mensagens personalizadas adicionais mudou de lugar. Antes, ele fazia parte do estágio EVENT de criação de um alerta e agora está dentro do passo ACTIONS. Com essa mudança, é possível personalizar uma mensagem para cada tipo de ação cadastrada — e-mail, Slack e/ou Webhook. Veja mais sobre a criação de alertas a partir de eventos da Plataforma de APIs aqui e a partir do monitoramento de APIs aqui.

  • Na criação de um alerta para monitorar códigos de retorno HTTP, agora é possível incluir uma família de códigos (por exemplo, 5xx).

  • Em relação a alertas a partir de eventos da Plataforma de APIs, a label "AppToken" foi alterada para "App" (sem modificações no funcionamento do alerta — o objeto app pode ser monitorado com relação a criação, edição ou exclusão). Veja a lista de objetos monitoráveis aqui.

  • Para deixar mais claros os horários de disparo de notificações, os cards da tela Triggered Alerts agora contêm a especificação do fuso horário (GMT).

1.7.0.0

  • Adicionamos uma nova opção de ação quando um alerta é disparado: Webhooks. Com isso, agora é possível enviar uma requisição HTTP POST para um endpoint previamente cadastrado — e isso funciona tanto para Platform Events quanto para Runtime Alerts. Essa opção se soma ao envio de notificações por email, que já existia.

    • Para auxiliar o cadastro de webhooks, incluímos uma nova página no menu principal do Flexible Actions: Credentials. Nela, é possível cadastrar informações de autenticação (client ID/secret) para serem inseridas nas requisições de notificação.

1.6.0.0

  • Implementamos um wizard para tornar o processo de criação de novos alertas mais fácil e claro, tanto para Platform Events quanto para Runtime Alerts.

    • A segunda etapa de criação de um novo alerta, chamada Actions, foi criada antecipando as entregas futuras de múltiplas opções de disparo de alertas.

  • Agora temos suporte a Cron Expressions para agendamento da checagem dos parâmetros dos alertas em Runtime Alerts.

1.5.0.0

  • A opção de clonar um alerta foi adicionada (em Platform Events e Runtime Alerts). Com isso, é mais rápido criar novos alertas que sejam parecidos com algum que já esteja configurado.

  • Agora é possível silenciar notificações de APIs temporariamente.

  • A comparação de performance de APIs APIs com períodos passados está mais simplificada e customizável. É possível delimitar qualquer período de tempo entre 1 minuto e 24 horas e comparar com as últimas 24 horas, o mesmo período no dia passado e o mesmo período na semana passada.

Thanks for your feedback!
EDIT
How useful was this article to you?